fbpx

Patente Black Mirror

Patente Black Mirror

No último episódio de Black Mirror, Black Museum, ​o responsável por um museu de beira de estrada conta para sua ilustre visitante as histórias que existem por trás de cada objeto que decora o macabro lugar.

Um dos elementos é um urso de pelúcia, que recebeu a consciência de uma mulher que havia sofrido um grave acidente, resultando em um coma irreversível. Para que ela tivesse a chance de ver seu filho crescer, seu marido decide fazer parte de um experimento tecnológico que abrigaria a mente da esposa.

Se a ideia para esse episódio veio da vida real, com certeza a ligação estaria em uma patente registrada em 2012 pelo Google. O invento consistia em um ursinho com auto-falantes, câmeras e microfones para ouvir suas conversas e assistir seus movimentos. A empresa nunca revelou a real intenção dessa criação, mas tecnicamente ela seria usada para que os pais pudessem monitorar os filhos enquanto estivessem ausentes.

Deixe uma resposta